terça-feira, 27 de março de 2012

TOV 1968: UNIÃO CONTRA O VASCO

“Como torcedor do Clube mais popular, fico triste ao ver as demais torcidas se unirem para torcer contra o meu Vasco. Em todas as partidas, urubus, pós-de-arroz e cachorrada reúnem-se para formar um complô contra o Almirante. Mas tudo tem limite e no jogo contra o Palmeiras, a Torcida Vascaína colocou para correr alguns mesquinhos pós-de-arroz, que chegavam a subir cinco degraus da arquibancada de uma só vez." Disse Amâncio César, que depois foi Presidente da TOV de 1976 a 1988 em 02 de Novembro de 1968
Fonte: Livro: O Clube Como Vontade e Representação: O Jornalismo Esportivo e a Formação das Torcidas Organizadas de  Futebol do Rio de Janeiro de Bernardo Borges Buarque de Hollanda, Editora 7 Letras.

TOV 1968

Nenhum comentário:

Postar um comentário