sexta-feira, 20 de março de 2015

VASCO REAL 1977: JORGINHO CARVOEIRO MORRE SEM GLÓRIAS E SEM CARTOLAS

Nem um dirigente Vascaíno esteve ontem a noite, no velório do Jorginho Carvoeiro e nem um jogador compareceu a Capela A do Cemitério Jardim da Saudade.
Do lado de fora, apenas três coroas: uma do Almirante Heleno Nunes, Presidente da CBD, outro desportista Álvaro da Camélia e mais uma do Vasco. 
De resto, pouca gente. Dona Vanderleia Oliveira, mulher do ex jogador, alguns amigos e integrantes da Torcida Vasco Real.
Data: 13 de Junho de 1977

Vasco Real 1977

Vasco Real 1977

Vasco Real 1977

Vasco Jorginho Carvoeiro 1974



4 comentários:

  1. uma boa pessoa... um jogador, realmente, memorável. Acompanhei o gol que fez, dando ao Vasco, seu primeiro título do Campeonato Brasileiro, ouvindo um radinho de pilha.

    ResponderExcluir
  2. Eu era muito novo nessa época, praticamente não conheci o Jorginho Carvoeiro, só de Rádio já que minha primeira vez no Estadio foi em 1978

    ResponderExcluir
  3. Estara sempre marcado no nosso coração como autor do gol da vitoria da primeira conquista no campeonato brasileiro . Que muito curti naquele 1974 numa noite de quarta feira. Partiu novo. mais por nunca estara esquecido obrigado Jorginho Carvoeiro.

    ResponderExcluir
  4. Jorginho Carvoeiro fez história no Vasco

    ResponderExcluir