segunda-feira, 17 de junho de 2019

TOV 1947: VASCO CAMPEÃO CARIOCA INVICTO

Torcida invade o gramado de São Januário para comemorar o Campeonato invicto depois do empate de 0 a 0 com o Botafogo, Vasco foi Campeão com duas rodadas de antecedência.

TOV Jornal A Noite 1947

TOV Jornal A Noite 1947

TOV Jornal O Globo Esportivo 1947

TOV Jornal O Globo Esportivo 1947

sexta-feira, 14 de junho de 2019

FORÇA JOVEM 1989: FORÇA JOVEM NA FINAL DA COPA AMERICA DE 1989

A Força Jovem do Vasco estava presente, em peso, num Maracanã lotado com mais de 130 mil pessoas, o Brasil venceu o Uruguai, pelo placar de 1 a 0, com um gol de Romário. Arquibancada estava verde e amarela/branca e preta, com a Torcida do Vasco.
Não podíamos deixar o Brasil “na mão" e principalmente os nossos inimigos sem sentirem medo.
Eu estava lá, há 30 anos atrás.
Delcio Índio.

Força Jovem Maracanã 1989

Força Jovem Maracanã 1989

Força Jovem Maracanã 1989

Força Jovem Maracanã 1989


quarta-feira, 12 de junho de 2019

TORCIDA DO VASCO 1934: TORCIDA DIVIDIDA

OS TORCEDORES DO VASCO QUERIAM MARQUES E NÃO REY
Quando o Keeper Rey entrou em campo, ontem, o que fazia pela primeira vez para defender as cores cruzmaltina depois das ocorrências referentes a organização do scratch brasileiro, foi recebido por uma intensa vaia, partida das gerais e arquibancadas. 
Em protesto daqueles que julgavam desacertada sua aceitação no seio vascaíno. Do outro lado do campo, na parte Social outros adeptos do Vasco procuravam abafar as vaias com aplausos. 
Durante o jogo, o lado que pteara Rey, sempre que ele pegava a bola, repetia as vaias. Damos mo clichê um aspecto dos assistentes que reprovaram a inclusão de Rey, vendo-se entre eles um letreiro com o nome de Marques, o outro guardião dos camisa pretas que tão bem se vinha conduzindo no posto em que atuar com carácter interino.

Torcida do Vasco 1934

Torcida do Vasco 1934




domingo, 9 de junho de 2019

RENOVASCÃO 2000: SAUDADES DA FESTA

Houve uma época em que era possível ir ao Maracanã sem estar preocupado com a violência. Os bares da Rua São Francisco Xavier eram ponto de encontros de torcedores fanáticos de Vasco, Flamengo, Fluminense e Botafogo.
Os bons tempos ainda são lembrados com carinho por ilustres torcedores da velha guarda, fundadores de grandes Torcidas Organizadas, como Dulce Rosalina Ponce de Leon, primeira mulher Chefe de Torcida do Vasco, o inspetor de Polícia Civil Cláudio Cruz, 43 anos, fundador da Raça, João da Silva Faria, o Russão da Folgada do Botafogo e Tia Helena Lacerda, 75, fundadora da Fiel Tricolor do Fluminense.
Num encontro promovido pelo Jornal do Brasil, em frente ao Maracanã, o grupo lembrava dos velhos tempos com saudades. “Não havia briga. Minha Sala era freqüentada por todos os torcedores”, lembrou Helena Lacerda. Apesar das gozações, o respeito era a base dos organizadores de Torcida. “Prova disso é que não havia divisão de territórios no Estádio. Todos saíam e entravam pelos mesmos portões. O que valia era a encarnação no fim de cada partida”, conta Cláudio Cruz, que deixou a Raça por conta da violência. “Há dez anos. Previ que a Torcida mais forte era a que portasse o maior calibre”, criticou ele.
Na febre de saudosismo, Russão fez questão de ressaltar que os concursos entre as Torcidas era uma forma de integrar os componentes, “Era super saudável. Em vez de briga, estávamos empenhados em fazer as maiores bandeiras e gritar mais alto”, diz ele. Ainda freqüentadores assíduos do Maracanã, a velha guarda das Torcidas Organizadas faz um apelo aos torcedores. “Não podemos estragar o espetáculo. “Chega de briga”, pede a ilustre Vascaína Dulce Rosalina. Como numa tabelinha de conscientização e amor ao futebol, Tia Helena emendou. “Amamos o futebol. “Vamos brilhar fazendo a festa também fora de campo.”
Fonte: Jornal do Brasil 05 de Novembro de 2000

Renovascão Jornal do Brasil 2000

Renovascão Dulce Rosaliua Jornal do Brasil 2000


quinta-feira, 6 de junho de 2019

FORÇA JOVEM 1991: RECADO DA 7ª FAMÍLIA NITERÓI

Coluna Bate Bola, Jornal dos Sports
Para quem não sabe, a Torcida Organizada Força Jovem do Vasco foi dividida em regiões (Família), e cada uma deles terá um componente (Líder da Família) que será como um eixo de ligação da Diretoria com a galera. 
Promovemos reuniões, festas, encontros para jogos e outras atividades esportivas. 
O componente interessado em saber algo mais sobre a Força Jovem, é só procurar os frequentadores mais assíduos da Torcida, de sua região, e comparecerem aos jogos do Vasco nos Estádios. 
Que toda a galera da FJV receba um forte abraço. 
“Vasco por Amor, Força Jovem por Ideal”.
Caico Niterói


Força Jovem Jornal dos Sports 1991

Força Jovem Sala de São Januário 1991

Força Jovem Sala de São Januário 1991

segunda-feira, 3 de junho de 2019

ALMIRANTE DA COLINA 1980: FAIXA DE APOIO LEVI LAFETÁ

No clássico Vasco 3 x 3 Fluminense, a Torcida Almirante da Colina, exibiu no Estádio Mário Filho a faixa Levi Lafetá 82. 
Na quarta-feira, no jogo com o Americano, a turma da Almirante da Colina quis mas não pode homenagear o advogado. 
E no domingo passado, quando a moçada tornou a abrir a faixa no Estádio Mário Filho, uma ordem do túnel do Vasco partiu para que ela fosse guardada, como de fato aconteceu. Curioso é que Levi Lafetá é Vascaíno e frequenta o Clube.
Fonte: Jornal dos Sports 04 de Dezembro de 1980


Almirante da Colina 1980 Jornal dos Sports 1980

Vasco Levi Lafetá e Guina 1979

sexta-feira, 31 de maio de 2019

FORÇA JOVEM 2000: MP FECHA O CERCO AS TORCIDAS ORGANIZADAS

Promotores fluminenses vão a São Paulo para aprender como combater a violência entre torcedores do Rio.
Polícia apreende material nas Salas das Torcidas, Força Jovem e Torcida Jovem do Flamengo.
Fonte: Jornal do Brasil 05 de Novembro de 2000

Força Jovem Jornal do Brasil 2000

Força Jovem Jornal do Brasil 2000

Força Jovem Jornal do Brasil 2000


quarta-feira, 29 de maio de 2019

FORÇA JOVEM 1991: FORÇA JOVEM PROIBIDA DE ENTRAR DE GRAÇA EM SÃO JANUÁRIO

O Vice Presidente de Futebol Eurico Miranda, insatisfeito com as vaias ao time, resolveu não permitir que membros da Força Jovem entrem gratuitamente em São Januário hoje. (21/03)

UM JOGO SEM ATRATIVOS E MOTIVAÇÃO
Torcida, reduzida, só gritou na hora de protestar contra o time.
Ameaça de chuva, meio da semana a tarde e com transmissão pela televisão ao vivo.
Com essas condições poucos poderiam se arriscar a ver o até agora pouco convincente time do Vasco tentar a sua classificação para a terceira fase da Copa do Brasil. A renda deve ter sido tão fraca, devido ao público tão pequeno, que nem foi divulgada, apesar de pequena, a Torcida do Vasco fez barulho e, no início, mesmo sem entusiasmo, até a Força Jovem tentou incentivar.
- Quem manda no Vasco é o Presidente. Com a autorização dele, entramos de graça no Estádio, como sempre acontece, declarou o Chefe da Torcida Organizada Força Jovem, Antônio Brás.
Proporcionalmente havia mais faixas de Torcidas do que torcedores no Estádio.(22/03)
Fonte: Jornal dos Sports 21 e 22 de Março de 1991

Força Jovem Jornal dos Sports 1991

Força Jovem Jornal dos Sports 1991

Força Jovem São Januário 1992

Força Jovem São Januário 1992


segunda-feira, 27 de maio de 2019

ALMIRANTE DA COLINA 1979: ANIVERSÁRIO DE 1 ANO

Há doze meses (29 de Outubro de 1978), o velho Almirante, símbolo que personifica o Vasco, vem marcando sua presença nas arquibancadas do Maracanã e de outros Estados do Brasil. Ele é o símbolo da Torcida Almirante da Colina, que agora completa seu primeiro ano de existência.
Por que o Almirante? Chiquinho, seu Presidente, acreditava que tem como símbolo, o próprio emblema do Clube, e, leva para a arquibancada o verdadeiro sentimento Vascaíno, Chiquinho comenta sobre a Almirante da Colina.
“A nossa Torcida é assim: Vascaína no duro, e de corpo inteiro. Nela, entra quem quer, desde que, acompanhe a Torcida em todos os momentos, até mesmo no sofrimento. Um dos motivos de grande orgulho, é ter como padrinho da Torcida, o maior goleiro do Brasil, nosso amigo Emerson Leão, bem como o ilustre amigo, Paulo de Souza, que muito nos ajudou na fundação da nossa Torcida, da qual, é peça fundamental, para a grandeza da Torcida, onde todos nós, irmanados, lutamos pela glória do Clube de Regatas Vasco da Gama.”
Mário, Rio de Janeiro (19/10).

FESTA DE ANIVERSÁRIO DE 1 ANO
A Torcida Almirante da Colina está convidando os Vascaínos em geral para a Festa do seu primeiro aniversário, dia 27 de Outubro, a partir das 16 horas na Rua General Almério de Moura 470 São Januário.(25/10)
Fonte: Jornal dos Sports 19 e 25 de Outubro de 1979

Torcida Almirante da Colina Jornal dos Sports 1979

Torcida Almirante da Colina Jornal dos Sports 1979

Torcida Almirante da Colina Maracanã 1979


sexta-feira, 24 de maio de 2019

FORÇA JOVEM 1997: CHEGA DE EURICO E CALÇADA

Portugueses, aliás há muito tempo não são maioria nas hostes Vascaínas, embora detenham o poder no Clube.
“A imigração praticamente terminou. Há muitos filhos de Portugueses, como eu. Mas continuamos preservando nossa cultura, tendo orgulho do passado”, diz Eurico Miranda, sistematicamente xingado pelos integrantes da Força Jovem, com os quais rompeu há dois anos, acusando-os de invadir o Clube, quebrar e roubar.
“Ei, Eurico, 171”, bradam os comandados de Marcelo Mendonça, o He Man, Presidente da FJV, antes de cada jogo.
Bola rolando, só alegria. Embora reconheça o ato de vandalismo de parte da Torcida após uma série de derrotas, há dois anos.
Marcelo alega que suas diferenças com a atual direção são estritamente filosóficas.
“Precisamos mudar a imagem do Clube. Queremos um Vasco vencedor, mas fiscalizado. Chega de Eurico e Calçada”, diz Marcelo, que se aliou a Fernando Roscio de Ávila, o Fernandão, Vice Campeão Olímpico de vôlei e fundador do Movimento Unido Vascaíno (MUV) de oposição. (02 de Novembro)
É Bacalhau. Recado da Torcida do Vasco Força Jovem para a atual direção do Clube, que tenta a reeleição contra o candidato da oposição, Jorge Salgado.
“Acabou-se o que era doce. Agora é Salgado. (09 de Novembro)
Fonte: Jornal do Brasil 02 e 09 de Novembro de 1997


Força Jovem Jornal do Brasil 1997

Força Jovem Jornal do Brasil 1997

Força Jovem Maracanã 1997

Força Jovem Maracanã 1997

Força Jovem Maracanã 1997

quarta-feira, 22 de maio de 2019

FORÇA JOVEM E VASCO REAL 1978: LEMA DA TORCIDA

“Gente jovem, de cuca jovem, trabalhando por uma grande Torcida”, eis o lema adotado pela FORJOVA (Força Jovem do Vasco). 
Que ninguém o adote, por favor, deixando o privilégio de usá-lo a garotada da Força que o criou.
O apelo é necessário porque depois que a nossa Vasco Real passou a dizer que “Não é melhor e nem pior, apenas diferente”, facções da Torcida rubro-negra e até tricolor passaram a dizer o mesmo. Depois é a Torcida Vascaína que imita.
Fonte: Jornal dos Sports 25 de Abril de 1978

Força Jovem e Vasco Real Jornal dos Sports 1978

Força Jovem e TOV Jornal dos Sports 1978


segunda-feira, 20 de maio de 2019

FORÇA JOVEM E TOV 1978: ANIVERSÁRIO DE AMÂNCIO CÉSAR

13 de Abril.
Acredito que para muitos essa data passaria totalmente despercebida.
Acontece que, para nós que vivemos o dia a dia do mundo encantado das Torcidas e que nele lidamos com gente como você, César, tal não poderia acontecer.
O maior e mais fiel Chefe de Torcidas que já conheci, o César, líder de uma das mais importantes e tradicionais facções da Torcida do Vasco, a TOV, aniversária nesta data, alegrando a tantos que como eu, aprenderam a admirá-lo, pela sua coragem e tenacidade a frente da TOV.
Em meu nome, e em nome da FORJOVA, o nosso abraço carinhoso a você, César, pela passagem de mais esse dia festivo em sua vida e parabéns a Torcida Organizada, por índole do Amâncio César.
Régio Henrique, Comunicação da FORJOVA.
Fonte: Jornal dos Sports 05 de Abril de 1978

Força Jovem e TOV Jornal dos Sports 1978

Dulce Rosalina e Amâncio César 1977


quinta-feira, 16 de maio de 2019

VASGUAÇU 1984: CARAVANA HISTÓRICA

A Vasguaçu, Torcida Organizada do Clube de Regatas Vasco da Gama em Nova Iguaçu, sairá neste domingo da Matriz de Santo Antônio, no Centro de Nova Iguaçu, as 13h30m, em caravana jamais vista em toda a história da Baixada Fluminense, 50 automóveis, 10 ônibus especiais, uma banda de música, foguetório e um trio elétrico com 20 mulatas, comandadas pela popular Vascaína Pinah, da Beija Flor, todas com a camisa da Vasguaçu, de onde se espera um grande engarrafamento desde a saída de Nova Iguaçu. E por toda extensão da Av Brasil, a caravana será escoltada por um batalhão de batedores da Polícia, abrindo passagem para todos.
Vasguaçu. Torcida Organizada do C. R. Vasco da Gama (Betinho)
Fonte: Jornal dos Sports 25 de Maio de 1984


Vasguaçu Jornal dos Sports 1984

Vasco Pinah Revista Placar 1983

Vasguaçu Maracanã 1979

terça-feira, 14 de maio de 2019

VASQUITA 1978: ANIVERSÁRIO DA VASQUITA 2 ANOS

A Diretoria da Vasquita comunica a todos os seus adeptos e simpatizantes a Festa de Comemoração do seu segundo aniversário que será realizada no próximo dia 26 na Sede do Mesquita F. C..
A programação completa é a seguinte: às 6 horas abertura com salva de 21 tiros, às 8 horas hasteamento das bandeiras Nacional, da Vasquita e do Mesquita, às 9 horas Missa de Ação de Graças pelo aniversário da Vasquita, às 10,30 horas entrega de diplomas “Amigos da Vasquita” a diversas personalidades e na ocasião será lançado o Boletim da Vasquita, às 11 horas coquetel para os convidados especiais, às 12 horas encerramento com uma partida de Futebol de Salão entre os Diretores da Vasquita e uma equipe do Programa Operação Esporte da TV Tupy.
Paulo Sabino, Relações Públicas da Vasquita
Fonte: Jornal dos Sports 29 de Agosto de 1978

Vasquita Jornal dos Sports 1978

Vasquita São Januário 1978

Vasquita São Januário 1978



segunda-feira, 13 de maio de 2019

TOV 1977: SAMBA DA TOV

“Vibrando sempre, em qualquer hora,
Abençoando a bela cruz de Cristo
Sentindo a luz de esplendor infindo
Cresce altaneira a Organizada agora
Onde todos estão sempre sorrindo!
Vamos mostrar, torcendo bem vibrante,
A força gigantesca do Almirante!
Se a outros causa inveja nosso clube,
Confirmando, por frases, mente escura,
Oferecemos-lhe, na colina, a cura!
Vencer, pra nós, é fato bem antigo
Associado a fundação do Vasco
Só quem duvida em vitória, amigo
Cria lemas pra disfarçar fiasco
Onde o verbo até é repetido (Vencer ou Vencer)
Viris atletas do eterno Campeão
Atuem sempre com sobriedade
Saibam, o Vasco, cantando, num refrão
Conquistaria sozinho e humanidade,
Ou tornaria clara a escuridão!”
Roberto, Relações Públicas da TOV
Fonte: Jornal dos Sports 15 de Fevereiro de 1977

TOV Jornal dos Sports 1977

TOV Maracanã 1977

TOV Maracanã 1977

quinta-feira, 9 de maio de 2019

FORÇA JOVEM 1995: DIRIGENTE APÓIA VÂNDALOS:

O Vasco de hoje inverteu todos os valores. 
A crise levou um Advogado, Vice Presidente de Relações Especializadas do Clube, a justificar um ato de barbarismo. Itamar Carvalho fez isso ontem, ao criticar o lateral Cássio, quase linchado por integrantes da Força Jovem.
“Cássio falou demais. É bem feito. Não se pode criticar a Torcida, então me ofendeu também. Já fui de arquibancada e já taquei pedra em jogador. Se não houver conciliação com a Torcida, vai ter mais”, bradou.
Por outro lado, Antônio Brás, Chefe da Força Jovem, não defendeu seus colegas. “Torcedor que faz isso tem que ser preso. Assim que eu puder, vou divulgar os nomes dos Vândalos”.
Nesse clima de total e absurda inversão de papéis, Eurico Miranda, que há pouco meses rompeu com a facção da Força Jovem, colocou as coisas em seus lugares, mesmo aumentando a divisão na diretoria.
“Se eu ia mudar algo no futebol, agora é que não mudo mais nada. Quem fala isso do Cássio é um idiota, um imbecil. Como sei que Itamar não é idiota nem imbecil, só posso acreditar que teve uma pane mental.”
Fonte: Jornal do Brasil 30 de Maio de 1995

Força Jovem Jornal do Brasil 1995

Força Jovem Maracanã 1995

Força Jovem Maracanã 1995


terça-feira, 7 de maio de 2019

FORÇA JOVEM 1986: HOMENAGEM A ROBERTO DINAMITE

Roberto recebeu da Torcida Força Jovem, por intermédio da Marilene Silva, uma rosa vermelha e uma faixa com a inscrição:
“O ídolo de ontem, hoje e de sempre”.
O jogador recebeu também homenagem dos torcedores em Três Rios, antes da partida do Expressinho contra o Enterriense, que constou de uma placa de prata e depois participou da festa de aniversário do cantor Léo Jaime, que valeu para comemorar a conquista da Taça Guanabara.
Fonte: Jornal dos Sports 25 de Abril de 1986

Força Jovem Jornal dos Sports 1986

Força Jovem Maracanã 1986

Força Jovem Maracanã 1986